LUTO

22 de dezembro de 2010

Irmão já cai e nem se arrependi

Irmão se vai e nem se senti
Irmão se despediu desta viagem
Fechou as luzes e saiu para outra passagem
Irmão chorou e não suportou
Viveu o limite de si
Irmão passou e amou
Tranquilo até alí
No momento de total desespero
Se apoiou na fé em si mesmo
Machucou todos os seus companheiros
Mas lembrou que só é mais um estrangeiro

...nessa vida, nessa simples vida, irmão.
Tu se foi, mas não foi em vão

A tua presença será guardada em todos que te amaram
Que te acompanharam, que tiveram essa sorte
E vamos com a tristeza e a dor que não passaram
Morrendo para viver e vivendo para a morte
Para ela jamais prevalecer.

Vai em paz YuriTrip

Frase do dia

"porque la vida es un viaje" - Yuri Andersen Szezerbatz
Samuel Nascimento

3 Críticas:

  1. ah, que homenagem linda *-*
    com muita dor eu faço esse comentário, procurando forças num sei onde pra continuar essa viagem e um dia reencontrar meu irmão.
    ;/

  1. TOCA DOS LINKS disse...:

    nossa deu vontade de chora mt triste


    http://www.tocadoslinks.blogspot.com/

  1. Anônimo disse...:

    Pessoas vão embora de todas as formas: vão embora da nossa vida, do nosso coração, do nosso abraço, da nossa amizade, da nossa admiração, do nosso país. E, muitas a quem dedicamos um profundo amor, morrem. E continuam imortais dentro da gente. A vida segue: doendo, rasgando, enchendo de saudade... Depois nos dá aceitação, ameniza a falta trazendo apenas a lembrança que não machuca mais: uma frase engraçada, uma filosofia de vida, um jeito tão característico, aquela peculiaridade da pessoa. Mas pessoas vão embora. As coisas acabam. Relações se esvaem, paixonites escorrem pelo ralo, adeuses começam a fazer sentido. E se a gente sente com estas idas e também vindas, é porque estamos vivos. Cuidemos deste agora. Muitos já se foram para nos ensinar que a vida é só um bocado de momento que pode durar cem anos ou cinco minutos. E não importa quanto tempo você teve para amar alguém, mas o amor que você investiu durante aquele tempo. Segundos podem ser eternidades... ou não. Depende da ocasião. (Marla de Queiroz)

Postar um comentário

Expresse sua opinião

Visitantes online